conecte-se conosco


Esportes

Brasileirão 1988: Bahia campeão com a elegância sutil de Bobô

Publicado

Quem viveu aqueles dias garante: Salvador nunca viu uma festa tão grande como a comemoração do título brasileiro do Bahia em 1988 – um carnaval fora de época, que na verdade aconteceu em 1989, quando o campeonato foi decidido. Desde então, não tivemos mais um time nordestino campeão brasileiro.

O Bahia campeão brasileiro era treinado por Evaristo de Macedo, tinha o polêmico presidente Paulo Maracajá e alguns dos maiores ídolos de sua história: Charles, Zé Carlos, Osmar e Bobô – o camisa 10 que foi imortalizado na canção Reconvexo, de Caetano Veloso (“quem nunca amou a elegância sutil de Bobô?”)

Na decisão o Tricolor baiano derrotou um forte time do Internacional, que tinha acabado de vencer o Gre-Nal do século para chegar à decisão, com Abel Braga no comando. E aquele campeonato teve outras grandes histórias: pela primeira vez a CBF voltava a organizar o torneio depois das confusões da Copa União de 1987 e resolveu criar um regulamento bizarro: os jogos que terminassem empatados iriam para os pênaltis.

E essas disputas nas penalidades geraram grandes momentos: como o dia em que Zetti se machucou e o atacante Gaúcho defendeu pênaltis de Zinho e Aldair em um Palmeiras x Flamengo. Ou o dia em que Botafogo x Fluminense foram ao Maracanã apenas para cobrar pênaltis.

Confira isso tudo e muito mais que aconteceu no Brasileirão 1988.


Conheça o Última Divisão:

Leia mais:  Campeões do 1º turno do Brasileirão só não levaram o título 4 vezes desde 2003

Youtube
Padrim 
Facebook 
Instagram
Twitter

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook

Esportes

Handebol do Egito é heptacampeão africano e Brasil vai a Pré-Olímpico

Publicado

por

source

O Egito se sagrou heptacampeão do Campeonato Africano de Handebol Masculino na tarde deste domingo (26) ao derrotar a anfitriã Tunísia, por 27 a 22, na final disputada na cidade portuária de Ràdes. Além do título, o Egito conquistou vaga direta nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 e abriu uma vaga para o Brasil disputar o Pré-Olímpico Mundial em abril. 

O Brasil corria o risco de ficar fora da Olimpíada do Japão. Em agosto do ano passado, a seleção perdeu a chance de se classificar ao ser surpreendida pelo Chile na semifinal do Pan-Americano de Lima (Peru): perdeu por 32 a 29 para os chilenos e,  pela primeira vez em sete edições do Pan, não se classificou para a final. A Argentina faturou o ouro no Pan de Lima e assegurou vaga direta em Tóquio, após derrotar o Chile na final. Vice-campeões, os chilenos também terão de brigar por vaga no Pré-Olímpico.

Quem também assegurou vaga em Tóquio 2020 neste domingo (26) foi a seleção da Espanha que bateu a Croácia por 22 a20, conquistando o título ainda inédito no Campeonato Eurpeu de Handebol Masculino.


Campeonato Centro-Sul Americano

Campeonato Sul-Centro Americano de Handebol Masculino

Campeonato Sul-Centro Americano de Handebol Masculino – Confederação Brasileira de Handebol

Com vitória apertada, por 25 a 24, a Argentina derrotou o Brasil na final do Campeonato Sul-Centro Americano de Handebol, disputado na noite deste sábado (25),na cidade de Maringá, no Paraná. As duas equipes chegaram invictas à decisão do título. Com o triunfo, os hermanos, atuais campeões pan-americanos, conquistaram o título e, de quebra, asseguraram presença no Mundial do Egito em 2021.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Leia mais:  Multa de R$ 48 milhões pode colocar Arena do Corinthians, em Itaquera, no Serasa
Continue lendo

Esportes

Palmeiras vence Juventude e fatura bicampeonato na Copa Santiago

Publicado

por

source

O Palmeiras conquistou neste domingo (26) o bicampeonato na 32ª ediçaõ da Copa Santiago de Futebol Juvenil diante do Juventude, no estádio Alceu Carvalho, em Santiago (RS). O gol de cabeça que definiu o jogo saiu aos 43 minutos do segundo tempo, marcado pelo zagueiro Daniel Alves. O bi conquistado hoje (26) teve gosto especial para os alviverdes: no ano passado o Verdão disputou a final com outro time gaúcho, o Grêmio, mas acabou perdendo o título na cobrança de pênaltis. Em 2018 o Verdão foi campeão pela primeira vez ao vencer o Coritiba.

Campanha Palmeirense

O Verdão paulista chegou invicto à decisão deste domingo (26), com seis vitórias e dois empates ao longo de toda a competição, que reuniu  18 times (oito brasileiros, dois uruguaios, um peruano e um paraguaio) .Chegou a enfrentar o Juventude na quarta rodada da fase de grupos, pela chave B, numa partida que terminou empatada em 0 a 0.  O time paulista terminou a fase classificatória na liderança do grupo B, com 11 pontos, enquanto o Juventude avançou em terceiro lugar na chave, também com 11 pontos.

Nas quartas de final, o Verdão, comandado pelo técnico  Hamilton Mendes Conceição Filho,  despachou o Figueirense (3 a 0), e nas semifinais eliminou o Internacional com vitória por 2 a 1. O time paulista encerra a competição com 12 gols marcados, e apenas três sofridos.  O artilheiro da Copa Santiago também é do Palmeiras: o zagueiro Luan balançou a rede cinco vezes.

Jogo

A partida começou sonolenta, com a equipe do Juventude plantada no campo de defesa, não dando chances para o ataque palmeirense. Depois da pausa para hidratação, o Verdão passou a tomar conta do jogo e deu trabalho ao goleiro Marlon. Aos 28 minutos, Luan arriscou de longe e Marlon espalmou para fora. Nos minutos finais, mais sufoco do Juventude: aos 36 minutos Renan soltou uma bomba de fora da área, Marlon desviou e a bola ainda bateu no rodapé da trave antes de sair. Dois minutos depois, outro susto: Pablo Juan finalizou e Marlon fez grande defesa.

Leia mais:  Lutador morre no hospital após ser nocauteado em combate

O segundo tempo foi eletrizante, com as duas equipes partindo para o tudo ou nada. Aos 7 minutos, Vitinho (Victor Hugo) arriscou de fora da área mas a bola passou por cima do gol de Marlon. Aos 14 minutos, foi a vez do goleiro Matheus, do Juventude,  salvar um chute cruzado venenoso do lateral direito Nicolas. Nos minutos finais, o Juventude pressionou no ataque: Marlon quase marcou de cabeça aos 25 minutos, depois foi a vz de Matheus soltar uma bomba e, por fim, aos 37 minutos Nelson perdeu uma ótima chance.  A definição da partida veio nos acréscimos, aos 43 minutos, Bartolomeu cruzando pela esquerda, na medida para Daniel Alves, de cabeça, garantir a vitória e o bicampeonato para o Palmeiras. Festa paulista no gramado do Alceu Carvalho.

Copa Santiago

Você pode rever as partidas da Copa Santiago aqui.

Ficha Técnica

Domingo, 26 de janeiro de 2020

PALMEIRAS X JUVENTUDE

Competição: 32ª Copa Santiago de Futebol Juvenil

Local: Alceu Carvalho, em Santiago (RS)

Palmeiras: Mateus, Miticov, Naves, Daniel Alves, Fábio, Renan, Victor Hugo (Leonardo Zabala), Lucas Eduardo (Bartolomeu Barbosa), Luan, Juninho (Robson) e Pablo Ruan (Marcio). Técnico: Hamilton Mendes Conceição Filho.

Juventude: Marlon Ribeiro de Campos, Deivid, Yuri, Davi Basso, Sobral, Neto (Nicolas Arno Luft), Theylor (Galo), Arthur (Henrique), Thobias (Júlio), Kelvi (Luis Fernando), Dudu. Técnico: Roberto Maschio Júnior.


Gol: primeiro tempo:43 minutos (Daniel Alves) 

Leia mais:  Lembra dele? Protagonista do meme “Vem tranquilo” estreia no MMA

 

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana