conecte-se conosco


Nacional

Bolsonaro diz que deixa ministros ‘se enrolarem’ antes de dar ‘cartão vermelho’

Publicado

Bolsonaro e Santos Cruz
Isac Nóbrega/PR
Bolsonaro demitiu o ministro Santos Cruz nessa quinta-feira (13)

Depois de demitir três ministros em menos de seis meses de governo, o presidente JairBolsonaro afirmou nesta sexta-feira (14) que, antes de demitir um auxiliar cujo desempenho não lhe agrada, é preciso deixar a pessoa “se enrolar um pouco mais.”

O método conhecido como ‘fritura’ é, segundo Bolsonaro , o oposto do que defende o filho do meio “mais imediatista”. Durante café da manhã com jornalistas no Palácio do Planalto, o chefe do Executivo afirmou que o vereador do Rio tem capacidade de se antecipar aos problemas. 

“Ele [ Carlos ] levantou alguns problemas no passado e eu falo o seguinte: tem que dar um tempo para, ao dar o cartão vermelho para essa pessoa, não ter dúvidas. E tem que deixar a pessoa se enrolar um pouco mais, no linguajar popular. E ele é imediatista. Converso com ele, mas não sigo 100% o que ele fala”,  declarou. 

O presidente admitiu ainda que o filho já “exagerou sim”  nas redes sociais e pediu para que ele fosse mais comedido nas redes sociais. Bolsonaro afirmou ter argumentado que um posicionamento errado tem consequências para o governo e para a população.

“Exagera de vez em quando, sim, exagera, porque ele quer ver o caso resolvido rapidamente, mas está contido esse ímpeto por parte dele, até porque falo com ele que uma palavra, uma frase equivocada você mexe na bolsa, mexe na vida de milhões de pessoas, pode mexer em uma relação internacional do Brasil que estava caminhando nesse sentido”, disse o presidente, ressaltando que o filho está há mais de dois meses sem se manifestar.

Leia mais:  Criminoso morre após sofrer infarto durante assalto a veículo em Guarulhos (SP)

Antes da demissão nessa quinta-feira (13) de Carlos Alberto Santos Cruz , chefe da Secretaria de Governo, outros dois ministros  – Gustavo Bebianno (Secretaria-Geral) e Ricardo Vélez Rodríguez (Educação) – já haviam passado pelo mesmo processo de desgaste político para serem, enfim, dispensados.

Nos três casos, Bolsonaro havia se decidido por exonerá-los, mas adiou o anúncio ao máximo, enquanto a imagem dos ex-auxiliares eram corroídas nas redes sociais, tornando a permanência no governo insustentável.

Ainda durante a conversa com repórteres que cobrem o Palácio do Planalto, Bolsonaro disse que considera “não ter cometido nenhum erro grave no governo” e que escolheu “as pessoas certas” para ocupar os ministérios.

Leia também: Bolsonaro visita Santa Maria 26 anos após ser declarado ‘persona non grata’

Bebianno é ‘página virada’

Bebianno e Bolsonaro
Rafael Carvalho/Governo de Transição
“O Bebianno pra mim é página virada. Boa sorte pra ele”, disse Bolsonaro

O presidente afirmou ainda que não sacrificará a gestão para manter pessoas que atuaram na campanha política.

“O Bebianno pra mim é página virada. Boa sorte pra ele”, disse, citando ainda a ex-diretora da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex), Letícia Catelani, que segundo ele tinha “uma certa autoridade exagerada”. Seguidora do ideólogo de direita Olavo de Carvalho, ela foi demitida do cargo no começo do mês passado.

Em relação a Santos Cruz, o presidente reconheceu que havia problemas, mas revelou ter oferecido ao general da reserva do Exército a oportunidade de ocupar outro cargo no Executivo. Mas afirmou que o ex-ministro não demonstrou interesse.


“Ele continua no meu coração, por assim dizer”, disse Bolsonaro .

Leia mais:  Lula de mel

Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook
publicidade

Nacional

Arraia gigante fica presa em rede e arrasta barco, em Santa Catarina; assista

Publicado

por

Hardcore

arrai gigante
Reprodução
Arraia jamanta é a maior da espécie


Uma arraia jamanta ficou presa a redes de pesca de um barco no último sábado (17) no Norte de São Francisco no Sul. Dois pescadores tentaram desvencilhar as redes do animal, porém, a dificuldade foi imensa, já que a arraia continuou nadando.

O pescador Josué de Souza Martins relembra os momentos de nervosismo no barco, que ficou quase uma hora desgovernado. “A intenção dela [arraia] era sempre ir pro fundo. Até que conseguimos, graças a Deus, fazer ela boiar ali, cortar e tirar ela”, lembra.


 Nesta segunda-feira, a arraia foi avistada novamente. Outros pescadores declararam que o animal também destruiu uma rede e desapareceu.


De acordo com a professora de Biologia Marinha da Univille, Andrielli Maryan Medeiro, o animal é pacifico e raro. “A arraia jamanta pode chegar a 7 metros, da ponta de uma nadadeira a outra. É bem provável que ela esteja buscando alimento, ou elas estejam se reproduzindo pela região, mas geralmente elas se reproduzem quando a água está bem quente. Mais provável que seja alimentação mesmo. Ou elas podem estar simplesmente migrando”, ressaltou Andrielli.

Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook
Leia mais:  Suspeito de clonar carro usado no assassinato de Marielle foi executado
Continue lendo

Nacional

Urso polar viaja 1.500 km, invade cidade russa e busca comida em lixão; assista

Publicado

por

Urso polar
Reprodução
Animal viajou mais de 1.500 km até alcançar os limites da cidade russa

Uma triste cena, que mostra os efeitos negativos da ação humana na natureza, foi registrada nesta terça-feira (18) na cidade russa de Norilsk, região norte do país. Um urso polar, que aparentava bastante cansaço, foi fotografado enquanto se alimentava em um lixão.

Leia também: Arraia gigante fica presa em rede e arrasta barco, em Santa Catarina; assista

Segundo informações do jornal The Siberian Times, o abatimento do urso polar era justificado, uma vez que ele teve que viajar uma longa distância desde a costa siberiana, na região do Mar de Kara, até os limites da cidade, conhecida por ser uma das mais poluídas do mundo pela altas quantidade de minério de níquel fundidas nas fábricas da região.

Especialistas acreditam que o animal tenha cruzado toda a península de Taymyr , passando pelo território dos ursos marrons que vivem na região, até alcançar a cidade, o que representaria uma caminhada de mais de 1.500 km.

As longas caminhadas em busca de comida são comuns para a espécie, ameaçada de extinção e protegida por leis anti-caça no país. Porém, a distância percorrida desta vez mostra que o animal estava desnorteado e acabou descendo demais para o sul, o que fez com que atingisse o distrito.

Foi a primeira vez que um urso polar foi visto em  Norilsk nos últimos 70 anos. O ineditismo da situação, inclusive, fez com que as autoridades desconfiassem das chamadas de emergência que informavam sobre a presença do animal nos limites da cidade.

Leia mais:  Prefeito nega negligência e recorre ao governo após tragédia matar 15 em Niterói

“Depois de algumas ligações, resolvi ir até o local indicado e acabei vendo o urso com meu próprios olhos. É um caso único e raro. Agora, temos duas opções: devolvê-lo para seu habitat natural ou encaminhá-lo para algum zoológico da região”, disse Anatoly Nikolaychyuk, chefe do Departamento de Controle de Caça da península de Taymyr.

Leia também: Tubarão é capturado e morto por pescadores na Bahia depois de ficar preso


Ainda de acordo com a publicação, o destino mais provável do urso polar é o zoológico Royev Ruchei, localizado em Krasnoyarsk. Entretanto, uma petição criada por moradores de Norilsk pede que o animal seja sedado e devolvido para a costa.

Fonte: IG Nacional
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana