conecte-se conosco



Nacional

Bolsonaro discute estrutura de governo com seus futuros ministros em Brasília

Publicado


Futuros ministros se reúnem com presidente eleito para apresentar desenho da estrutura ministerial do governo Bolsonaro
Rafael Carvalho/Governo de Transição

Futuros ministros se reúnem com presidente eleito para apresentar desenho da estrutura ministerial do governo Bolsonaro

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), chegou ao gabinete de transição, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília, na manhã desta quinta-feira (6), pouco antes das 9h. Nesta manhã, o presidente eleito se reúne com os ministros que já estão confirmados para 2019, a fim de esboçar, junto a eles, a estrutura do governo Bolsonaro. 

Leia também: Bolsonaro diz que reforma da Previdência será votada no primeiro semestre

Nesta quinta, os futuros ministros apresentam ao presidente eleito uma sugestão do desenho consolidado da estrutura dos ministérios, que pode ser adotada pelo governo Bolsonaro a partir do dia 1º de janeiro. O capitão reformado chegou ao local do encontro acompanhado pelos filhos Flávio, eleito senador, e Eduardo Bolsonaro, eleito para a Câmara dos Deputados. 

Desde o dia 5 de novembro, os trabalhos do governo de transição estão ocorrendo no CCBB. E, embora os nomes do primeiro e do segundo escalão do futuro governo ainda não estejam todos certos, aqueles que já foram escolhidos já estão se debruçando sobre as demandas de cada uma das pastas, a fim de começar o ano já com um plano de ação. 

Leia também: Deputado petista propõe “Lei Jair Bolsonaro” para coibir ausências em debates

Leia mais:  Atender população de rua no país é desafio para o Brasil, diz comissão da OEA

Bolsonaro já esclareceu que terá 22 pastas no seu governo. Por ora, ainda faltam ser confirmados os nomes daqueles que comandarão o Meio Ambiente e a pasta de Direitos Humanos. A última, inclusive, pode passar a ter status de secretaria no governo do capitão reformado, mas ainda não houve nenhuma decisão oficial sobre isso. 

No início da semana, o ministro extraordinário da transição, Onyx Lorenzoni , que já teve seu nome confirmado para a Casa Civil, divulgou o que pode ser a estrutura definitiva da Esplanada dos Ministérios no governo de Jair Bolsonaro.

Leia também: Bolsonaro foi eleito para colocar militares no comando, diz filho do presidente

No total de 22 pastas, Onyx explicou que estão incluídos Banco Central (BC) e Advocacia-Geral da União (AGU) que deverão perder o status de ministério na próxima gestão, reduzindo posteriormente o número de Ministérios a 20. Porém, só apenas essa reunião com os demais futuros ministros e o presidente eleito, é que o governo Bolsonaro deve ser melhor desenhado. 

* Com informações da Agência Brasil.

Comentários Facebook
publicidade

Nacional

Tiroteio em praia de São Vicente mata um e deixa dois feridos; veja o vídeo

Publicado

por


Tiroteio em São Vicente deixou uma banhista ferida
Reprodução YouTube

Tiroteio em São Vicente deixou uma banhista ferida

Uma pessoa morreu e duas ficaram feridas durante um tiroteio em São Vicente, no litoral de São Paulo, na tarde deste sábado (15). De acordo com informações, o crime aconteceu na praia dos Milionários.

O homem que morreu foi um dos autores do tiro. Entre os baleados, um dos comparsas do tiroteio em São Vicente e uma banhista, que foi atingida nas costas e está internada no Hospital Municipal da cidade.

No vídeo, é possível escutar os tiros, gritos e ver a correria dos banhistas, que saem da faixa de areia rapidamente. O crime aconteceu por volta 15h20 quando os dois homens tentaram roubar banhistas. Um policial militarque estava no local, de folga, percebeu a ação e reagiu. Confira a filmagem divulgada pelo portal A Tribuna :


Mais informações em instantes

Comentários Facebook
Leia mais:  Atender população de rua no país é desafio para o Brasil, diz comissão da OEA
Continue lendo

Nacional

João de Deus sacou R$ 35 milhões após primeiras denúncias de abuso sexual

Publicado

por


Médium João de Deus  sacou R$ 35 milhões depois de receber primeiras denúncias
Divulgação

Médium João de Deus sacou R$ 35 milhões depois de receber primeiras denúncias

Investigadores do caso João de Deus identificaram movimentações bancárias recentes nas contas do médium. Segundo informações do portal O Globo , até quarta-feira (12) já haviam sido sacados R$ 35 milhões em seu nome.

De acordo com o site, a descoberta destas operações financeiras acelerou o processo de ordem de prisão de João de Deus . O dinheiro teria sido retirado de aplicações que o homem tem em instituições bancárias. 

Na tarde deste sábado (15), o médium passou a ser considerado foragido Ministério Público de Goiás (MPGO), responsável pelo caso. A decisão de considerar João de Deus como foragido foi tomada após diversas tentativas sem sucesso de encontrar o médium em algum de seus endereços. Outro motivo foi o não comparecimento de João à polícia nas 24h depois da ordem de prisão.


Mais informações em instantes

Comentários Facebook
Leia mais:  Luiz Henrique Mandetta pode assumir o Ministério da Saúde,diz Jair Bolsonaro
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana