conecte-se conosco


Mulher

Banheiros pequenos: como otimizar?

Publicado

A metragem dos apartamentos encolheu acompanhando a tendência do mercado – aumento do número de pessoas que optam em morar sozinhas. As vantagens desse tipo de espaço são economia (IPTU e condomínio), praticidade no seu dia-a-dia e mobilidade – geralmente localizados nos grandes centros urbanos, próximos as facilidades do transporte público, comércio e serviços. Um dos maiores desafios é a otimização dos espaços para que tudo fique funcional. A partir de deste post, a coluna Dentro de Casa
trará uma  sequência de dicas
com o intuito do melhor aproveitamento dos espaços, sem que você abandone os itens essenciais para a sua rotina.

Banheiro – um espaço “esquecido” da decoração?

Ambiente antigamente pouco explorado, hoje é considerado essencial na composição de um projeto de interiores: seja na substituição de materiais ou para melhorar a disposição dos acessórios e móveis. Acredite, qualquer mudança fará uma grande diferença. Confira a seguir algumas dicas para sua otimização.

Acesso –
Em vez da tradicional porta de abrir, pode-se optar ou pela porta de correr ou pela porta camarão, também conhecida como articulada. Ambas são ótimas opções pois não consomem espaço no seu grau de abertura, beneficiando a otimização interna. Alguns pontos pesam contra: não possuir uma vedação completa, possibilitando passagem de ruídos, ventos e odores pelas suas frestas e o desgaste maior das ferragens, demandando maior manutenção.

Box –
Item essencial e com diversas alternativas de materiais no mercado – tecido, acrílico, PVC, vidro – a depender de disponibilidade financeira. A opção preferível na busca da leveza é o box de vidro. Dentro desta categoria, os melhores custos-benefícios são as opções com portas de abrir ou de correr. Quer priorizar uma abertura confortável? Informe-se com um especialista sobre o box articulado ou sanfonado de vidro, que funciona como uma espécie de porta camarão.

Leia mais:  Mãe fala sobre adoção de criança com síndrome de Down: “Presente de Deus”

Nichos embutidos –
Se no seu imóvel as paredes podem sofrer algum tipo de interferência, execute aberturas com o intuito de embutir nichos e abuse deste artifício. Dentro do box esse tipo de nicho traz mais conforto durante o banho (nunca mais você irá esbarrar no porta-shampoo que teimará em cair ao longo do tempo).

Fora do box, há duas opções de uso: a primeira, para ganhar espaço interno dentro de algum armário ou nicho; e a segunda, para embutir acessórios como porta-toalhas e ganchos, deixando a área de passagem mais livre e confortável.


Nicho embutido na alvenaria
Cumbuca Estúdio
Nicho embutido na alvenaria

Paredes –
Aproveite ao máximo as paredes disponíveis – instale nichos, prateleiras e acessórios. Confira se a profundidade dos itens a instalar não afetará o espaço de passagem e atente-se às quinas para que não ocorra acidentes domésticos.

Gabinete –
Existem diversas opções e, claramente, a melhor será a que se adequará ao seu perfil.

1.       Gabinete com portas de abrir ou correr: excelente alternativa para quem gosta de aproveitamento total do espaço, uma vez que internamente você utilizará da forma que desejar, inclusive com acessórios como aramados, caixas ou, simplesmente, deixar livre.

2.       Gabinete com gavetas: para quem gosta de visualizar os itens “por cima”, sem ter a necessidade de abaixar para verificar os itens do seu armário.

3.       Nicho aberto ou prateleiras: se você é uma pessoa extremamente organizada, essa é melhor opção, pois economiza-se em material e ganha-se alguns centímetros antes destinados a espessura das portas e ferragens. Abuse de caixas organizadoras, ótimo recurso para explorar a decoração.

Leia mais:  Para acalmar aluna, professora faz carta e pede que fada do dente a presenteie

Acima da pia –
Relembre o banheiro da casa dos seus avós. Consegue visualizar um módulo acima do gabinete, composto por um armário embutido com espelho e já com espaço destinado à escova de dentes? Esse conceito voltou mais moderno e atualizado, excelente escolha para que deseja mais aproveitamento do espaço. Normalmente, sua instalação inicia-se à 30cm da bancada (depende da altura da sua torneira), possui profundidade de 12cm (margem de segurança para você não bater a cabeça) e sua altura dependerá da composição desejada, podendo ir até o teto.

Quer charme? Que tal embutir uma fita Led, auxiliando na iluminação do ambiente? Internamente, distribua diversas prateleiras para itens como desodorante, algodão, entre outros itens de higiene pessoal. Caso seu vaso sanitário possua caixa acoplada, essa profundidade é preciosa para estender esse conceito, aproveitando mais ainda o espaço.


Armário superior com espelho
Your Beautiful Home
Armário superior com espelho

Acessórios
– Muitas vezes os banheiros pequenos não possuem espaços adequados para os acessórios essenciais, como porta papel higiênico. Uma opção é integrá-lo diretamente na lateral da marcenaria ou utilizar um acessório de piso, facilitando a movimentação para limpeza.

Dicas da Helô:
alguns artifícios visuais auxiliam na sensação de amplitude do espaço: utilize tons claros nas superfícies como pia, parede e piso; use e abuse de espelhos, desde que as cores utilizadas não sejam escuras (cuidado com o efeito contrário); utilize o teto para pendurar acessórios que comportem pequenos objetos (exemplo: composição de redinhas ou aramados) e priorize sempre a organização: se não couber um espaço para um cesto de roupas suja, pense em outro local da casa. Lembre-se: o foco é seu bem-estar e conforto.

Leia mais:


Qual tipo de vidro usar? Clique aqui

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
publicidade

Mulher

Quer reformar a casa? Confira 6 dicas dos Irmãos à Obra para não errar

Publicado

por

source

Drew e Jonathan Scott, os Irmãos à Obra, desembarcaram pela primeira vez no Brasil para promover a oitava temporada da série que tem início nesta quinta-feira (22), às 20h35, no Discovery Home & Health. Nesta quarta (21), em São Paulo, os apresentadores participaram de uma coletiva exclusiva para conversar com a imprensa sobre diversos assuntos.

Leia também: 9 erros que as pessoas cometem quando vão reformar a casa e como evitá-los

Irmãos à Obra arrow-options
Mayara Aguiar
Jonathan (à esquerda) e Drew (à direita) vieram ao Brasil para promover a nova temporada de Irmãos à Obra

No evento, os Irmãos à Obra falaram sobre detalhes pessoais e, ainda, deram algumas dicas para quem está pensando em reformar a casa, mas não sabe exatamente o que fazer. A reportagem do Delas esteve presente e selecionou alguns tópicos importantes que foram abordados pelos apresentadores. Confira!

1. Tenha um orçamento

Sabemos que fazer reforma pode trazer dor de cabeça aos moradores quando não for bem planejada, inclusive financeiramente. Por isso, a dica dos irmãos é ser bastante realista em relação ao orçamento. Para eles, é preciso acreditar que a casa deve facilitar a vida no dia a dia.

E como não gastar dinheiro a mais? Planejando. Os irmãos alertam que, ter um planejamento de toda a reforma, com os itens que você mais quer, ajuda a diminuir o gasto extra.

Leia mais:  Mãe fala sobre adoção de criança com síndrome de Down: “Presente de Deus”

Sobre as reformas no Brasil, Drew aponta que cada país tem seu estilo de vida e isso precisa ser levado em consideração. Segundo ele, mesmo um apartamento que seja pequeno pode ter a sensação de um lar espaçoso. Com isso, a dica é investir em peças funcionais que geram armazenagem.

2. Contrate um profissional

Quando vemos uma reforma apresentada no programa, pode até parecer que derrubar paredes e todas as outras atividades feitas pelos profissionais são tarefas fáceis. No entanto, engana-se quem pensa assim. De acordo com Drew e Jonathan, o maior erro, nesse caso, é quando os moradores tentam ser os próprios empreiteiros, mas não possuem experiência.

Leia também: Quer mudar a decoração da casa? Conheça opções que criam efeitos nas paredes

3. Leve em consideração todos os moradores da casa

Os irmãos apontam que é importante pensar em todos que moram na casa, inclusive as crianças, que podem ajudar na tomada de decisões. Por serem muito criativas, elas podem dar uma ar diferente e alternativo para os itens de decoração. Mas, cuidado. Nem tudo que elas disserem pode ser levado a sério.

4. Não seja resistente aos diferentes tipos de materiais

Drew ressalta que, geralmente, as pessoas gostam de fazer aquilo que estão acostumadas e se apegam ao tradicional. Assim, elas podem demorar um certo tempo para testar algo novo nos próprios lares. Com isso, a dica de Jonathan é não ser tão teimoso e pensar em opções alternativas, como o drywall, muito usado nas casas reformadas pela dupla.

Leia mais:  Mulher tenta criar chapéu de girafa, mas resultado fica bem longe do esperado

5. Invista em itens baratos para decoração

Sua casa não precisa de peças de decoração caríssimas para que fique linda – e o próprio Jonathan defende isso. Durante o evento da Discovery em São Paulo, o empreiteiro comentou que esse é um dos erros básicos de quem reforma . Investir em itens baratos na decoração não vai desvalorizar sua casa e ainda ajuda na economia geral do projeto. 

6. Dica ao vender a casa

De acordo com eles, muitas pessoas acreditam que para vender a casa é necessário fazer uma grande reforma, como adotar o conceito aberto. Contudo, os irmãos dizem que realizar uma boa limpeza, fazer uma pintura e reorganizar a mobília ajudam o lar a ficar mais atrativo. Todas essas medidas fazem com que os novos compradores já fiquem impressionados.

Leia também: Quer mudar a decoração de casa? Saiba como fazer isso sem precisar gastar muito


Gostaram? Com essas dicas dos Irmãos à Obra , você poderá fazer uma obra em casa digna de reality show e que caiba no orçamento. 

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Quer reformar a casa? Confira 6 dicas dos Irmãos à Obra para não errar

Publicado

por

source

Drew e Jonathan Scott, os Irmãos à Obra, desembarcaram pela primeira vez no Brasil para promover a oitava temporada da série que tem início nesta quinta-feira (22), às 20h35, no Discovery Home & Health. Nesta quarta (21), em São Paulo, os apresentadores participaram de uma coletiva exclusiva para conversar com a imprensa sobre diversos assuntos.

Leia também: 9 erros que as pessoas cometem quando vão reformar a casa e como evitá-los

Irmãos à Obra arrow-options
Mayara Aguiar
Jonathan (à esquerda) e Drew (à direita) vieram ao Brasil para promover a nova temporada de Irmãos à Obra

No evento, os Irmãos à Obra falaram sobre detalhes pessoais e, ainda, deram algumas dicas para quem está pensando em reformar a casa, mas não sabe exatamente o que fazer. A reportagem do Delas esteve presente e selecionou alguns tópicos importantes que foram abordados pelos apresentadores. Confira!

1. Tenha um orçamento

Sabemos que fazer reforma pode trazer dor de cabeça aos moradores quando não for bem planejada, inclusive financeiramente. Por isso, a dica dos irmãos é ser bastante realista em relação ao orçamento. Para eles, é preciso acreditar que a casa deve facilitar a vida no dia a dia.

E como não gastar dinheiro a mais? Planejando. Os irmãos alertam que, ter um planejamento de toda a reforma, com os itens que você mais quer, ajuda a diminuir o gasto extra.

Leia mais:  Neo mint – como usar a cor de 2020 na decoração e na mesa posta

Sobre as reformas no Brasil, Drew aponta que cada país tem seu estilo de vida e isso precisa ser levado em consideração. Segundo ele, mesmo um apartamento que seja pequeno pode ter a sensação de um lar espaçoso. Com isso, a dica é investir em peças funcionais que geram armazenagem.

2. Contrate um profissional

Quando vemos uma reforma apresentada no programa, pode até parecer que derrubar paredes e todas as outras atividades feitas pelos profissionais são tarefas fáceis. No entanto, engana-se quem pensa assim. De acordo com Drew e Jonathan, o maior erro, nesse caso, é quando os moradores tentam ser os próprios empreiteiros, mas não possuem experiência.

Leia também: Quer mudar a decoração da casa? Conheça opções que criam efeitos nas paredes

3. Leve em consideração todos os moradores da casa

Os irmãos apontam que é importante pensar em todos que moram na casa, inclusive as crianças, que podem ajudar na tomada de decisões. Por serem muito criativas, elas podem dar uma ar diferente e alternativo para os itens de decoração. Mas, cuidado. Nem tudo que elas disserem pode ser levado a sério.

4. Não seja resistente aos diferentes tipos de materiais

Drew ressalta que, geralmente, as pessoas gostam de fazer aquilo que estão acostumadas e se apegam ao tradicional. Assim, elas podem demorar um certo tempo para testar algo novo nos próprios lares. Com isso, a dica de Jonathan é não ser tão teimoso e pensar em opções alternativas, como o drywall, muito usado nas casas reformadas pela dupla.

Leia mais:  Vídeo que mostra avô recepcionando a neta na porta de casa “quebra a internet”

5. Invista em itens baratos para decoração

Sua casa não precisa de peças de decoração caríssimas para que fique linda – e o próprio Jonathan defende isso. Durante o evento da Discovery em São Paulo, o empreiteiro comentou que esse é um dos erros básicos de quem reforma . Investir em itens baratos na decoração não vai desvalorizar sua casa e ainda ajuda na economia geral do projeto. 

6. Dica ao vender a casa

De acordo com eles, muitas pessoas acreditam que para vender a casa é necessário fazer uma grande reforma, como adotar o conceito aberto. Contudo, os irmãos dizem que realizar uma boa limpeza, fazer uma pintura e reorganizar a mobília ajudam o lar a ficar mais atrativo. Todas essas medidas fazem com que os novos compradores já fiquem impressionados.

Leia também: Quer mudar a decoração de casa? Saiba como fazer isso sem precisar gastar muito


Gostaram? Com essas dicas dos Irmãos à Obra , você poderá fazer uma obra em casa digna de reality show e que caiba no orçamento. 

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana