conecte-se conosco


Entretenimento

Ator de “Laços de Família” fala que ficou com fama de “brocha”

Publicado


source

O ator Zé Victor Castiel, de 61 anos, voltou às telinhas com a reprise de “Laços de Família”, exibida na Globo pela primeira vez em 2000. Na trama de Manoel Carlos, ele viveu Viriato, um segurança que era apaixonado pela esposa Yvete (Soraya Ravenle), mas sofria com a impotência sexual.

Zé Victor Castiel
Reprodução

Zé Victor Castiel fez “Laços de Família”


“Fui o brocha do Brasil por um ano inteiro. Apesar disso, o que mais me marcou na questão dramática, foi a sequência em que Viriato dorme depois do almoço, se esquece de buscar a filha na escola e a garota é atropelada. A cena em que fiz observando, do vidro do hospital, a menina na cama teve um carga dramática muito interessante”, contou o ator em entrevista do jornal Extra.


Mesmo tendo se passado 20 anos, Zé Victor acredita que “Lanços de Família” toca em assuntos atuais e que ainda não são falados com naturalidade, como a impotência sexual. “Infelizmente, muitos desses tabus não foram quebrados até hoje. Quando me ofereceram esse papel, que geraria tanta controvérsia, pensei que teria um estigma para toda a vida, o que não se confirmou”, disse.

Na época da novela, o artista ficou com medo do personagem virar motivo de piada. “No início, eu me defendia do personagem, fazia de tudo para que ele não fosse ridicularizado, mas a novela me ensinou a me entregar totalmente aos erros, defeitos, para que ficasse real. Saí uma pessoa mais tranquila e desprendida de ego”, finalizou.  

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook

Entretenimento

Thiaguinho se declara para Fernanda Souza: “Agradeço por te ter na minha vida”

Publicado

por


source

Já faz quase um ano que o casamento de Thiaguinho e Fernanda Souza acabou , mas isso não impede que o cantor se declare para a ex. O pagodeiro já havia  escrito uma declaração no aniversário da atriz e fez isso novamente após a artista compartilhar um texto sobre racismo que ele postou no Instagram. 

Fernanda Souza e Thiaguinho
Reprodução / Instagram

Thiaguinho se declara para Fernanda Souza mais uma vez

Thiaguinho fez uma publicação no Instagram comentando o caso de um estudante negro de uma universidade federal que foi acusado de roubo, por “não ter cara de quem cursa medicina”. “Então eu logo te pergunto, qual seria a cara para cursar medicina? Existe um padrão específico para o curso? Em um país onde desde seus primórdios, a história preta foi silenciada, apagada e marginalizada sim. Nascemos e crescemos ouvindo e aprendendo sobre esse padrão, o mesmo que não nos encaixa de modo algum ou então, insere 1 preto a cada 20 brancos, porque é claro, o Brasil é ‘igualitário’. Em uma sociedade onde mais de 50% da população é negra, os espaços para nós, ainda são escassos!”, criticou o artista. 

Fernanda Souza republicou essa publicação e recebeu um elogio do ex-marido por fazer isso. “Por essas e outras que agradeço a Deus por ter você na minha vida pra sempre!”, ele comentou. O ex-integrante do Exaltasamba ainda parabenizou a atriz por ter deixado o Instagram sob o comando da influenciadora Aretha Oliveira, para que ela trouxesse relatos de pessoas pretas inspiradoras. “Sou teu fã”, escreveu o cantor ao final. 

A atriz fez questão de responder Thiaguinho. “Sua luta sempre foi a minha luta! E será assim pra sempre! Juntos somos mais fortes!”, escreveu Fernanda Souza. Os seguidores dela elogiaram a união que o ex-casal ainda possui. “Não tenho nem estrutura para vocês dois! Alguns casais mesmo depois do ‘fim’ são eternos”, escreveu uma fã. “Que o amor sempre prevaleça entre vocês”, disse outra.

Ver essa foto no Instagram

Entende a importância do meu post anterior? Ei, você, branco, precisamos nos INFORMAR, APRENDER, e LUTAR JUNTO! É uma luta de TODOS! Até quando a gente vai fingir que não é um problema nosso? BORA AGIR! Tamo junto @thbarbosa e @rafaelzulu ! ??♥️ #repost @thbarbosa ・・・ “Não tem cara de quem cursa medicina” . Essa foi a frase ouvida por Márcio Henrique, @marcio_henrique_98 um estudante preto da federal. Após denunciar um ato de racismo, quando foi acusado de roubo e nomeado de “escurinho da camisa azul”. Como se não bastasse o constrangimento dessa fala covarde, o próprio boletim de ocorrência feito, favoreceu ao homem que cometeu o ato racista. Fonte: Mídia ninja Brasil, 2020. Então eu logo te pergunto, qual seria a cara para cursar medicina? Existe um padrão específico para o curso? Em um país onde desde seus primórdios, a história preta foi silenciada, apagada e marginalizada sim. Nascemos e crescemos ouvindo e aprendendo sobre esse padrão, o mesmo que não nos encaixa de modo algum ou então, insere 1 preto a cada 20 brancos, porque é claro, o Brasil é “igualitário”. Em uma sociedade onde mais de 50% da população é negra, os espaços para nós, ainda são escassos. Um sistema ignorante que nos coloca de escanteio em lugares que são nossos por direito, empurram uma triste realidade onde precisamos ser 5x mais em tudo, porque se não, “olha aí, é só mais um(a) preto(a) preguiçoso(a)”. Uns e outros, ainda batem no peito e afirmam “no Brasil, não existe racismo” Bom, ou vivemos em uma realidade paralela ou nossos governantes não tem olhos para a população, o que você acha que faz mais sentido? E lá no alto, nos batemos novamente com aquele velho padrão… E eles ainda dizem que representam as massas, viu? Só esqueceram de dizer quais. Infelizmente, o caso de Márcio Henrique é similar ao de vários pretos e pretas que diariamente, sofrem com essa realidade. Mas diferente dos nossos ancestrais, vocês não vão mais conseguir nos calar. Somos grandes, somos fortes e estamos cada vez mais unidos e essa união, tem um poder que vocês desconhecem. Deixo esse espaço aqui para você, meu irmão ou minha irmã que passou por esse ato covarde, para relatar os episódios sofridos!

Uma publicação compartilhada por F e r n a n d a S o u z a (@fernandasouzaoficial) em 15 de Set, 2020 às 9:45 PDT


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Bruna Marquezine fala de homem que foi agressivo em sorveteria: “Um merda”

Publicado

por


source

A atriz Bruna Marquezine resolveu se posicionar após um vídeo de um homem que é agressivo em uma sorveteria de Campinas, no interior de São Paulo, viralizar nas redes sociais. A atrista compartilhou o vídeo no Twitter e demonstrou sua indignação.  

Bruna Marquezine e homem na sorveteria
Reprodução

Bruna Marquezine fala de homem que se irritou em sorveteria por estar sem máscara

“Esse é o Rodrigo Ferronato… no Twitter ele posta versos bíblicos e se define conservador… e quando a funcionária de uma sorveteria pede para ele colocar a máscara, ele reage dessa forma…”, foi escrito na legenda da publicação que mostra o homem gritando sem máscara e quebrando coisas no estabelecimento. “O tradicional cidadão de bem, ou seja, UM GRANDE MERDA”, acrescentou Bruna Marquezine.


O vídeo foi gravado por uma pessoa que estavam no local e após a repercussão, Rodrigo, que é vendedor, deu uma entrevista à EPTV, afiliada da Globo, e disse que a dona da loja foi quem começou a confusão porque a máscara dele estava no queixo, ou seja, não cobria a boca e nem nariz. Ele se exaltou e partiu para a agressão verbal quando a mulher se recusou a vender seu produto.  


Na mesma entrevista, o vendedor admitiu que sua reação foi exagerada. “Acho que esse tipo de atitude minha eu poderia não ter feito. Eu deveria ter engolido a minha raiva e ter saído da sorveteria e procurado os meios legais para me defender e cobrar do jeito que deveria cobrar”, declarou.  

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana