conecte-se conosco

  • powered by Advanced iFrame free. Get the Pro version on CodeCanyon.


Política

Após audiência pública, flexibilização do horário de empresas segue para votação na Câmara

Publicado

O auditório da Câmara Municipal de Tangará da Serra recebeu bom público na noite de ontem (quinta, 23) na audiência pública para discussão do Projeto de Lei Complementar 01/2019, que dispõe acerca do horário de funcionamento de estabelecimentos comerciais, industriais e de prestação de serviços no município.

O autor do PLC 01, vereador e presidente do Legislativo local Ronaldo Quintão (PP), presidiu a audiência e justificou que a matéria visa flexibilizar os horários de atendimento dos estabelecimentos empresariais da cidade. Quintão destaca que o horário sugerido no projeto – 05hs às 22hs – será facultativo às empresas e não significará alteração na jornada dos trabalhadores, mas permite a criação de novos turnos e, assim, abre possibilidade para criação de novos postos de trabalho.

Audiência pública lotou auditório da Câmara Municipal

Apoio

A matéria conta com apoio quase irrestrito da classe empresarial, que se agrada da ideia da dispensa de alvará para horário especial, como hoje é exigido no município. O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Tangará da Serra (Acits), Júnior Rocha, entende que a flexibilização criará condições para o fortalecimento da atividade empresarial, em especial o comércio. “É interessante, um desentrave para o crescimento”, disse.

Já Nildo Lima Queiróz, presidente do Sindicato do Comércio Varejista (Sincovatan), destaca que os benefícios estarão tanto ao lado dos empresários como dos trabalhadores. “Teremos crescimento, novos empregos, e haverá respeito à legislação trabalhista”, disse, completando que espera pela aprovação do PLC 01/2019, pela Câmara.

Leia mais:  Doença que causa coceira e manchas vermelhas na pele é registrada em Tangará da Serra

Alguns populares também manifestaram apoio ao projeto, considerando ser uma forma de ampliação do mercado de trabalho e de consolidação do município como polo empresarial. A possibilidade de abertura de vagas para universitários – especialmente os que estudam durante o dia – foi considerada.

Dúvidas

Por outro lado, se não provocou reações contrárias incisivas durante a audiência, a matéria suscitou dúvidas especialmente quanto à jornada de trabalho. Por desinformação e até mesmo ignorância, houve quem interpretasse que a jornada seria alterada para maior número de horas. Houve também dúvidas relacionadas a possíveis dificuldades que seriam enfrentadas por trabalhadoras com filhos pequenos. Um cidadão que estava presente chegou a perguntar para onde iria a arrecadação dos tributos decorrentes da “ampliação” do horário.

Já o presidente do Sindicato dos Comerciários (Secgets), Luiz Lacerda, disse que uma enquete realizada pela entidade através do Facebook revelou ampla contrariedade dos comerciários para com a matéria. “Fizemos a enquete e 81% dos que opinaram disseram ser contra. Outros 19% foram a favor”. Lacerda, porém, não fundamentou qualquer opinião sobre a matéria, limitando-se a dizer que “o Secgets é a casa do comerciário” e está aberta a todos os trabalhadores sindicalizados.

Tramitação

O Projeto de Lei Complementar 01/2019 deverá passar por duas votações no Legislativo a partir da próxima sessão ordinária, terça-feira (28). Pelo projeto, ficaria permitido às empresas decidirem livremente seus horários de funcionamento, desde que entre 5h e às 22h, durante todos os dias da semana, inclusive feriados, observadas as disposições da legislação trabalhista e também a legislação municipal, como o Código de Posturas.


“O Poder Legislativo cumpre seu dever de ouvir a sociedade e aquilo que foi apresentado durante esta audiência será, com toda certeza, considerado pelos vereadores tangaraenses”, concluiu o autor da matéria, vereador Ronaldo Quintão.

Leia mais:  Mulher morre eletrocutada ao encostar em antena de rádio no Assentamento Antônio Conselheiro

Comentários Facebook
publicidade

Barra do Bugres

Criminosos trocam tiros com a PM e caminhonete roubada na Capital é recuperada em Nova Olímpia

Publicado

Uma caminhonete de luxo que havia sido roubada em Nova Mutum, foi recuperada pela Polícia Militar na noite desta quinta-feira (18), na BR-358, no trevo de acesso a Usina Itamarati, em Nova Olímpia.

Segundo a PM, foi realizado um bloqueio na rodovia MT-343, próximo a ponte do Rio Paraguai e ao avistar o veículo roubado a equipe deu ordem de parada, os suspeitos em fuga seguiram em alta velocidade sentido a Nova Olímpia e no trevo de acesso à usina, realizou uma nova barreira, quando os criminosos perceberam o cerco tentaram evadir e trocaram tiros com os policiais. Os indivíduos abandonaram o veículo e fugiram se escondendo na mata. Foram feitas buscas, mas os suspeitos não foram localizados.


Em checagem ao chassi,  constaram que a caminhonete estava com placa de Nova Mutum adulterada, sendo confirmado que o veículo apresentava registro de roubo ocorrido na segunda-feira (17) em Cuiabá.

 

Comentários Facebook
Leia mais:  PROJETO CAMINHOS: Mudas de ipê são replantadas na Comunidade Belo Horizonte
Continue lendo

Política

Renato Gouveia assume pela terceira vez Prefeitura de Tangará da Serra

Publicado

 

O Vice-prefeito Renato Gouveia ficará sob o comando da Prefeitura Municipal de Tangará da Serra,  a partir da próxima segunda-feira, 16. Gouveia assume pela terceira vez o lugar do Prefeito Fábio Junqueira, que entrará em férias novamente do dia  16 a 30 de setembro.

A cerimônia de transmissão de cargo será realizada na segunda-feira, às 8h, na Sala da Mulher.

Há cinco meses, Gouveia esteve frente ao comando da Prefeitura, depois que  Junqueira após passar um procedimento cirúrgico na coluna, entrou de férias, ficando afastado da Prefeitura por 15 dias.  Em  2018 o vice-prefeito assumiu a prefeitura, em virtude também do período de férias de Junqueira.


Renato Gouveia, que é engenheiro sanitarista, atuou como vereador por Tangará da Serra durante três legislaturas, também já foi Secretário Municipal de Saúde e eleito vice-prefeito no pleito eleitoral de 2016.

Comentários Facebook
Leia mais:  Lions promove triagem para exames de colo de útero e próstata na próxima segunda-feira
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana