conecte-se conosco

  • banner_Lorenzetti_1250x250

Polícia

Ao som do rasqueado, Banda da Polícia Militar e Sesc/MT celebram 302 anos de Cuiabá

Publicado


Ao som do autêntico rasqueado cuiabano  o Corpo Musical da Polícia Militar de Mato Grosso e o Sesc/MT – homenagearam Cuiabá pelos 302 anos, celebrados na noite desta quinta-feira 08.04.

Com um repertório das musicas mais cantadas e tocadas, a data foi celebrada em uma live transmitida pela página do Facebook do Sesc/MT – direto do jardim central do Sesc Arsenal. Durante toda apresentação foi respeitado o distanciamento social e as medidas de biossegurança.

Somado aos músicos da banda, sob a regência do tenente Marcelo da Silva Lima, apresentaram no palco o sargento Neves, os cantores Edmilson Maciel e Akane Lizuka, o Quarteto Cuiabano e o trio Pescuma, Henrique e Claudinho.

Na abertura, o sargento Neves interpretou a música do aniversário dos 250 da capital, ‘Cuiabá Cidade Verde’. Logo em seguida, o cantor Edmilson, fez uma breve volta ao passado com duas músicas muito tocadas pela Banda Terra, uma delas a ‘Explosão do Rasqueado’.

Novidade ficou para a cantora Akane Lizuka, natural do Japão, a artista inovou com o pot-pourri em uma única faixa duas musicas tracionais, ‘Pixé’ e ‘A Lua’, começando com um ritmo de jazz e seguindo para o balanço do rasqueado. O Quarteto Cuiabano explorou no tradicional rasqueado ao som do fax, trompete e tombone.

Fechando a celebração, o trio Pescuma, Henrique e Claudinho – majestosamente cantaram  ‘Cabeça de boi & Sol ta quente pra danar’ e ‘Cuiabá Cidade Verde’. Durante toda live houve interação dos internautas elogiando a iniciativa e parabenizando Cuiabá.

Sargento Neves cantando a música ‘Cuiabá Cidade Verde’    Foto: SD Luís

Fonte: PM MT

Comentários Facebook

Polícia

Depois de diversas tentativas de se esconder, foragido de MT por homicídio bárbaro é localizado no litoral catarinense

Publicado

por


Assessoria/Polícia Civil-MT 

A trajetória de fugas de um foragido da Justiça, que cometeu um bárbaro homicídio no interior de Mato Grosso, chegou ao fim com a captura do criminoso nesta segunda-feira (10), na cidade de Balneário Camboriú, no litoral catarinense. A prisão ocorreu depois de informações repassadas pela Gerência de Polinter e Capturas de Mato Grosso à Polícia Civil de Santa Catarina, que levaram à prisão do homem de 30 anos. 

A Polinter recebeu no início deste ano uma solicitação de apoio da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cáceres para localizar o atual paradeiro do fugitivo, que foi identificado como autor de brutal homicídio ocorrido o em 11 de fevereiro de 2011, que vitimou Benedita de Paula Nunes, de 27 anos. A vítima foi cruelmente espancada e torturada até a morte e encontrada em sua residência totalmente despida e com várias lesões no corpo. O crime chocou moradores da cidade diante da gravidade e da forma cruel como a vítima foi morta.

Com o avanço das investigações realizadas pela DEDM de Cáceres e com a autoria do crime definida, após representação criminal da autoridade policial, o Poder Judiciário decretou em outubro de 2019 a prisão preventiva do investigado. Desde então, o autor do crime passou a ser considerado foragido da justiça.

Por diversas vezes, a Polícia Civil tentou capturá-lo, mas sem sucesso, pois ele se refugiava na Bolívia, de onde  retornou poucas vezes ao Brasil.

Em fevereiro deste ano, a Polinter chegou a enviar uma equipe a Cáceres, mas as buscas pelo foragido não tiveram êxito. Uma última tentativa foi realizada para localizá-lo em Goiânia, contudo, com os dados obtidos no decorrer das investigações, a equipe da Polinter conseguiu apurar o possível paradeiro do foragido, cujas informações levavam à região Sul do Brasil.

Em um trabalho em conjunto com a equipe do delegado Vicente Soares, da Divisão de Investigação Criminal de Balneário Camboriú, os policiais civis do município catarinense checaram prováveis locais onde ele poderia esta e com apoio da Polícia Militar local conseguiram realizar a prisão nesta segunda-feira.

As buscas pelo foragido contaram também com o auxílio da Delegacia Regional de Cáceres.

O mandado de prisão preventiva foi expedido pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Cáceres, para onde o foragido deverá ser recambiado.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Polícia

Suspeito de roubos a bancos com dois mandados de prisão em aberto morre em confronto

Publicado

por


Durante ação na manhã de hoje(11.05) em Campo Verde(131 km de Cuiabá), policiais do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) e da 8ª Companhia de Polícia Militares prenderam uma mulher(35 anos), apreenderam droga e celulares e um suspeito com dois mandados de prisão morreu em confronto.  

Armado, ao perceber que seria abordado o suspeito(40 anos) saiu em alta velocidade com seu veículo, um Cívic, por ruas de Campo Verde. Quando estava sendo alcançado pelas equipes da PM, reagiu apontando a arma na direção dos policiais enquanto ainda descia do veículo. Durante a perseguição policial duas viaturas do Bope chegaram a colidir, sem feridos. Com o suspeito os policiais apreenderam uma pistola 9mm.

Foragido da Justiça, o suspeito responde a processos e inquéritos por tráfico de droga e organização criminosa. As equipes da PM descobriram ainda que ele estava usando identidade falsa.

Essa ocorrência de hoje(11) se deu em continuidade a   operação que o Bope desencadeou no dia seis deste mês na região de Primavera dos Leste(321 km de Cuiabá) e região, desencadeada com o objetivo de desmontar plano de roubos a bancos na modalidade ‘novo cangaço’.

A partir de informações produzidas pelo Serviço de Inteligência sobre a descoberta desse plano, o Comando do Batalhão expediu a ordem de serviço 022/2021 e as equipes deslocaram para Primavera e posteriormente para Campo Verde.

A mulher presa é esposa do suspeito morto no confronto. Na casa onde o casal vivia ocorreram as apreensões de droga e dos celulares.  

Fonte: PM MT

Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana