conecte-se conosco


Tangará da Serra

Adequações de Promotorias são apresentadas durante reunião

Publicado

Foto: Assessoria

As pendências foram regularizadas e a sede das Promotorias de Justiça da Comarca de Tangará da Serra já está com o alvará do Corpo de Bombeiros. A regularização foi uma das demandas apresentadas na primeira visita da Comissão de Apoio Institucional, ocorrida no primeiro semestre deste ano. A Procuradoria-Geral de Justiça também adquiriu e entregou os equipamentos de combate a incêndio e pânico para regularização das Promotorias de Justiça de Campo Novo do Parecis, Barra do Bugres, Diamantino e Sapezal.

Em Campo Novo do Parecis, 63,32% do contrato para reforma e ampliação da sede já foram executados. A unidade passará a contar com auditório com capacidade para 45 lugares. Em Barra do Bugres, a reforma também está adiantada, com 78,66% dos serviços concluídos. As boas notícias foram repassadas pelo secretário-geral do Ministério Público, promotor de Justiça Milton Mattos Silveira, em reunião realizada nesta terça-feira, nas Promotorias de Justiça de Tangará da Serra.

Durante o encontro, conduzido pelo procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira, com a participação de 12 promotores de Justiça, também foram repassadas informações e esclarecidas dúvidas sobre o funcionamento dos Centros de Apoio Operacional (CAOs) e do Centro de Apoio Operacional do Conhecimento e Segurança da Informação (CAOP/CSI). A revisão do Planejamento Estratégico da Instituição também integrou a pauta de discussões.

O coordenador das Promotorias de Justiça de Tangará da Serra, Thiago Scarpellini Vieira, ressaltou a importância da aproximação entre a Procuradoria-Geral de Justiça e as Promotorias localizadas no interior do estado. “Durante muito tempo, nós cobramos e pedimos essa presença de toda a equipe da Procuradoria-Geral de Justiça junto aos promotores do interior e dos polos com a finalidade de melhorarmos os serviços prestados à população. Agora, com essas novas ferramentas que foram criadas, a exemplo do Portal de Apoio à Investigação (PAI), e também o novo Planejamento Estratégico, é muito importante essa aproximação para que possamos então colocar em prática essas melhorias visando sempre prestar um bom serviço à sociedade”.

O coordenador das Promotorias de Justiça de Campo Novo do Parecis, Luiz Augusto Ferres Schimit, também fez uma avaliação positiva do encontro. “A vinda do procurador-geral de Justiça acompanhado de sua equipe, que se desloca da capital para o interior, facilita a vida do promotor de Justiça do interior e proporciona um contato mais pessoal com a administração superior”, disse. (Fonte: Assessoria MP/MT)

Comentários Facebook

Polícia

Homem é preso com drogas e mais de R$ 12 mil em dinheiro em Tangará da Serra

Publicado

Um homem foi preso pela Polícia Militar na noite desta sexta-feira (31) por volta das 21h30 por tráfico de drogas, em Tangará da Serra.

Segundo a equipe da Força Tática, informações recebidas pela Agência Regional de Inteligência (ARI) destacava que um indivíduo conhecido como “Biel” estaria comercializando drogas. Em buscas os policiais localizaram o suspeito e durante a abordagem, encontraram com ele 2 porções grandes de pasta base de cocaína e R$250 em espécie. Questionado, o jovem contou que havia mais drogas escondidas na área rural, a cerca de 40 km da cidade. Lá a equipe encontrou outras 25 porções da mesma substância e uma balança de precisão. Na casa dele, acharam ainda R$ 12 mil em dinheiro.

O material apreendido, que totalizou cerca de 1 kg de pasta base de cocaína e o suspeito, foram encaminhados à Delegacia Judiciária Civil.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Motorista que atropelou a matou idoso se apresenta à Polícia Civil em Tangará

Publicado

O motorista de um carro apontado como autor de um acidente de trânsito que resultou na morte de um idoso de 63 anos no último domingo (31), se apresentou nessa tarde, à Polícia Civil de Tangará da Serra.

 

De acordo com os investigadores, o suspeito se apresentou no início da tarde para esclarecimentos. Ele estava acompanhado de um advogado, prestou depoimento e foi liberado. Segundo declarou à polícia, o atropelamento teria acontecido por distração, ele tirava uma foto, quando atropelou o idoso, João Bosco Ferreira que estava de bicicleta, foi socorrido pelo SAMU, mas morreu a caminho do hospital. O motorista alegou ter fugido por medo de retaliação.

Conforme a polícia, após as imagens que identificavam o automóvel responsável pelo acidente serem divulgadas, foram recebidas denúncias que apontaram o condutor suspeito do crime de trânsito. O motorista deverá ser indiciado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana