conecte-se conosco


Mulher

7 erros comuns que você pode cometer na hora de lavar o cabelo

Publicado

Lavar o cabelo parece uma rotina simples: molhe, passe shampoo, enxágue, repita. Mas será que é só isso mesmo? O momento da lavagem serve tanto para higienizar os fios, removendo impurezas e oleosidade, quanto para deixá-los saudáveis e bem cuidados. 

Leia também: Lavar os cabelos todo dia é prejudicial? Saiba quais cuidados ter com os fios


lavar o cabelo
shutterstock
Lavar o cabelo é um dos primeiros passos para uma rotina de cuidados com os fios, mas você está fazendo isso do jeito certo?

Dependendo dos seus hábitos na hora de  lavar o cabelo
 , os fios podem ficar mais pesados, ter as fibras danificadas e até cair. Para ajudar você nesta atividade tão rotineira, a dermatologista Mayara Bravo, da Clínica Karla Assed Curitiba,  selecionou os erros mais comuns: 

1. Lavar o cabelo com água quente

“Prefira a água mais fria que suportar”, recomenda a especialista. Segundo ela, a temperatura alta costuma danificar as fibras capilares e ressecar o couro cabeludo. Isso faz com que as glândulas sebáceas produzam mais óleo, o que causa um efeito rebote. 

2. Passar shampoo diretamente no cabelo

A recomendação da dermatologista é aplicar uma quantidade pequena de shampoo nas mãos antes de aplicar o produto nos fios. “Ao despejar o produto diretamente no couro, a quantidade pode acabar sendo muito maior do que você imagina”, diz. Isso também pode aumentar a oleosidade
 , porque deixa os fios ressecados. 

Leia mais:  Garoto corta próprio cabelo e dos irmãos, mãe faz vídeo desesperada e viraliza

3. Limpar o couro cabeludo usando as unhas

“Cuidado com as unhas ao massagear os fios: seu couro cabeludo
é sensível, use sempre as pontas dos dedos”, recomenda Mayara. Se você usar as unhas diretamente no couro cabeludo, pode acabar causando ferimentos ou deixar a pele irritada. 

4. Enxaguar só por cima

Na hora de lavar os fios, é muito importante tirar todo o resíduo e não deixar a água cair só por cima, já que isso pode deixá-lo oleoso mais rápido. “Enxágue até ter certeza que não ficaram resíduos, pois eles tendem a deixar o cabelo mais ‘pesado’”, diz a dermatologista. 

5. Usar qualquer shampoo

Um dos cuidados essenciais é escolher o shampoo que combina com o seu tipo de cabelo. Então, o ideal é usar produtos que controlem a oleosidade se essa é a principal necessidade do seu fio
 , ou que combata o frizz se o volume é o seu maior problema. 

“Se você tiver mais de uma necessidade capilar, como a maioria das mulheres, tenha duas opções de shampoo e condicionador e alterne o uso. Vale lembrar que em qualquer sinal de irritação, suspenda imediatamente o uso de qualquer produto e procure um especialista.” 

6. Aplicar condicionador na raiz

O shampoo se aplica na raiz, o condicionador não. Ele pode obstruir a raiz dos fios e causar uma série de danos além do cabelo oleoso
, como queda e caspa. “Aplique o condicionador somente no comprimento, deixando o produto agir pelo tempo indicado e enxágue bem”, diz. 


7. Secar com toalha torcendo os fios

Depois de lavar o cabelo
de forma correta, busque secá-lo com uma toalha para não danificá-lo
com a temperatura do secador. O ideal é apertar a toalha de forma delicada contra os fios para retirar o excesso de água. “Jamais torça ou friccione os fios”, finaliza a especialista. 

Leia mais:  10 truques para ter um cabelo com volume se seus fios são finos

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
publicidade

Mulher

Madrinha escolhe vestido ousado para casamento da irmã e gera confusão

Publicado

por

Ser madrinha de um casamento requer aceitar algumas exigências dos noivos que nem sempre são agradáveis, como uma mulher que pediu para a amiga perder alguns quilinhos para o dia do evento . Porém, a situação também pode ser inversa, como a irmã de uma noiva que quis seguir seus próprios gostos e provocou uma confusão a poucos dias da cerimônia ao querer usar um vestido ousado.

madrinha de casamento gera polêmica com vestido
Reprodução/Fashion Nova
O vestido que a madrinha gostaria de usar tem detalhes transparentes, além de estar na cor preta


Por meio do Facebook, a noiva desabafou sobre a atitude de sua irmã, que também seria sua madrinha de casamento. Na publicação, ela explica que pediu para as damas de honra usarem um vestido azul com flores, e elas deveriam ter procurado opções em janeiro de 2019.

Sua “irmãzinha”, entretanto, não ouviu os conselhos dela e quis inovar completamente na escolha do look. A noiva compartilhou uma foto da roupa que a madrinha gostaria de usar no casamento, e chamou a atenção a ousadia da mulher.

Leia também: Sogra usa vestido de noiva no casamento da nora, mas história tem final feliz

“Meu casamento é daqui a oito dias e eu disse para minha irmãzinha comprar em janeiro um vestido azul-marinho com flores”, inicia ela. “Ela me disse hoje que ainda não pediu um vestido, mas gostou desse. Eu disse que não é apropriado para o meu casamento, especialmente como uma dama de honra”, complementa a noiva na legenda.

Leia mais:  Cereais, frutas e mais: veja os benefícios da granola e dicas de consumo
vestido ousado
Reprodução/Fashion Nova
Esse é o vestido que a madrinha gostaria de usar na cerimônia. A noiva compartilhou a imagem com os internautas


Indignada, a pretendida esclarece à irmã que, se ela não quer ser uma das testemunhas da união, basta dizer. A menina, então, abandonou o posto, mas ainda quer ter todas as regalias. “Ela deixou de ser minha dama de honra e eu acho que ela ainda pensa que pode ter toda a diversão de madrinha comigo, como a de despedida de solteira… Desculpe, não!”, diz a mulher.

Leia também: Mulher desabafa após achar que roupa escolhida para casamento irá ofuscar noiva

Atitude da madrinha é criticada na web

Os internautas entenderam e apoiaram a noiva nessa história, fazendo críticas ao modo de agir da irmã e ao vestido ousado que ela gostaria de usar na cerimônia. “Isso deve ser usado em um quarto”, dispara um.


“Lingerie deslumbrante. Não é apropriado para nada ao ar livre, exceto uma festa na piscina”, opina outro. Um dos usuários do Facebook afirmou que esse tipo de roupa que a madrinha desejou colocar é adequado para outros eventos. “É um casamento, não o Coachella”, comenta ele.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

O sexo caiu na rotina? Confira 5 dicas para esquentar a relação

Publicado

por

Com o passar dos anos, o relacionamento pode cair na rotina e a temperatura entre quatro paredes dar uma esfriada – e fazer com que o sexo fique menos frequente. Para se ter uma ideia, uma pesquisa realizada pelo Instituto do Casal, em 2016, indica que 55,9% dos casais consideram a vida sexual ruim.

Leia também: Jovem de 21 anos fala sobre vida sexual com noivo de 74: “Não precisa de Viagra”

casal na cama
Shutterstock
Profissionais do Instituto do Casal listam cinco dicas que vão ajudar a esquentar a relação e beneficiar a vida sexual

De acordo com Marina Simas, psicóloga e sócia-diretora da empresa, falar sobre sexo é um dos assuntos mais frequentes nas terapias de casal. “Todo mundo faz, só que algumas pessoas com menos e outras com mais frequência. É impressionante como ainda existe um tabu sobre um tema natural e o quanto a vida sexual influencia uma relação”, ressalta. Mas, afinal, como esquentar a relação e deixar o clima cada vez melhor? Confira cinco dicas que vão ajudar!

1. Conheça seu corpo e estimule outros prazeres

Muitas pessoas ainda não sabem, mas não é só a área genital que garante prazer durante o sexo. Para aproveitar bem o momento, é preciso conhecer o corpo e as áreas que possam proporcionar prazer e, assim, garantir uma fuga da rotina para o casal. Para isso, o par também deve conhecer o outro e estimular áreas que possam ser diferentes. 

“Tem muitas mulheres e homens que não sabem onde fica o clitóris e o ponto G e não conhecem o próprio corpo ou o corpo do parceiro. Se são assim com a área genital que é básica, imagina com as outras partes do corpo se forem consentidas por ambos”, expõe Denise Figueiredo, psicóloga e sócia-diretora do Instituto do Casal. 

Leia mais:  Jennifer Lopez faz desafio da dieta sem açúcar e zero carb; tática vale a pena?

De acordo com Denise, o que vale nesses casos é apostar em brincadeiras com outras partes do corpo e sempre inovar para que o sexo não pareça igual e, assim, esquentar a relação. “O céu é o limite e, para estimular o prazer, vale todo tipo de investida”, explica. Já pensou em utilizar brinquedos eróticos ? Converse com o par e permita que a relação fiquei mais apimentada. 

2. Agende o sexo

No início, pode até parecer estranho, mas você já imaginou em ter um dia e horário para colocar o sexo em ação no relacionamento? De acordo com as profissionais, essa é uma forma de conseguir espaço e momentos juntos para viverem a intimidade.  

“Muitas pessoas acham que o sexo tem que ser de forma natural, mas é extremamente interessante também poder agendar o momento. Até por que quando você tem um encontro e espera pelo sábado a noite pra isso, você também acaba se programando para o momento. Isso também é válido no relacionamento”, ressalta Marina. 

3. Explore outros locais

Para variar o sexo, vale sair do quarto e ir para os outros cômodos, como sala, cozinha e até dentro do chuveiro no banheiro. Mas, além disso, por que não tentar também fora de casa? E nem precisa ser em um local distante. “Se não tem tempo de viajar, já pensou em passar um final de semana em um hotel na própria cidade? O casal pode explorar um ambiente diferente e sair da rotina”, aponta Denise.

Leia mais:  Como aparecem e como tratar as espinhas causadas por estresse?

4. Deixe o celular de lado

No ano passado, outra pesquisa do Instituto do Casal aponta que 47% dos casais brigam com o par por conta do uso excessivo do celular. Atualmente, é difícil se manter desconectado, mas a tecnologia pode atrapalhar o relacionamento. “É muito comum o casal deixar de fazer sexo por causa do uso do celular. O mundo está tão conectado que nem o momento a dois é preservado como deveria”, destaca Marina.

5. Busque ajuda profissional

Terapia de casal é uma prática que pode ajudar a estimular o diálogo e dar alternativas para uma vida sexual que o casal acha que está fadada a monotonia. A ajuda profissional pode contribuir nos desenvolvimentos comportamentais e emocionais do casal e fortalecer o relacionamento.

“O que percebemos é que muitos casais só procuram terapia quando a relação já está para terminar e isso pode ser ruim. É muito importante já ter o hábito de buscar uma ajuda desde o início”, finaliza Denise.

Leia também: Terapeuta de 90 anos cita os piores erros que estão atrapalhando sua vida sexual


Ao seguir essas dicas, você conseguirá esquentar a relação e ter ainda mais prazer durante o sexo.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Política MT

Mais Lidas da Semana