Política

05/01/2018 10:29

Wilson afirma que oposição não tem musculatura: “Sonham com alguém da nossa base”

O secretário de Cidades (Secid) e deputado estadual, Wilson Santos (PSDB), acredita que o governador Pedro Taques (PSDB) deve conquistar a reeleição em 2018. Isso porque ele afirma que a oposição não tem um candidato com musculatura e expertise para superar o atual chefe do Executivo mato-grossense. Além disto, o tucano comentou sobre uma possível saída de Mauro Mendes (Sem Partido) e Blairo Maggi (PP) do grupo político: “Acredito na manutenção (...) Eles [oposição] não têm candidatura e sonham com alguém da nossa base”.

Questionado sobre uma possível saída de Mauro e Maggi do grupo da situação, Wilson acredita que isto é apenas especulação: “Esse período que antecipa as convenções são cheios de teses e elucubrações. É natural que aconteça, mas acredito que Taques terá a habilidade suficiente para manter todos que o levaram a vitória. Com a manutenção do grupo, não vejo dificuldades de vencer a eleição”.
 
Um possível racha no grupo seria para a possível candidatura do ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes, que deve se filiar ao Democratas (DEM), com o apoio do senador e ministro da Agricultura, Blairo Maggi, que deverá concorrer à reeleição no pleito deste ano. Em recentes pesquisas, Maggi foi o único a figurar à frente de Pedro Taques e deve ter um peso importante nas eleições.
 
O secretário Wilson Santos acredita que a chance de alguém do atual grupo de Taques (leia-se Mauro e Maggi) sair e ser o ‘adversário no ninho’ é remota: “Acho que não tem essa chance de alguém sair contra o Taques. Mato Grosso precisa continuar mudando. Não podemos permitir que o grupo que governou o Estado há pouco tempo retorne. Erramos? Sim! Cometemos falhas? Sim, e quem não as teve? A grande meta nossa é impedir que o grupo de Silval retorne ao comando do Estado”.
 
O tucano ainda cutucou os adversários dizendo que “acredito nesta manutenção do grupo, porque as vezes há mais interesses do que vagas. Mas o Taques é habilidoso, paciencioso, tem capacidade extraordinária de superar desafios e cresce diante deles. O talento dele fará com que o grupo se entenda. A reedição da aliança é o que nossos adversários não querem. Eles não tem candidatura, sonham com alguém da nossa base. Cabe a nós termos espirito de coesão para manter isso unido”.
 
Questionado sobre uma possível candidatura do petista Ságuas Moraes, pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Wilson Santos disse não se preocupar: “Acho que a oposição não tem um nome consistente, com musculatura, viável. Já batemos no Lúdio, que venha o Ságuas”, exclamou. 

Olhar Direto.


Bem Notícias

Diretor Geral
Zied Coutinho

Titulo fixo

Facebook

Bem Notícias - © Copyright - 2016 - Todos os direitos reservados

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo